tomatestomate plantatomate cortado tomates Clique nas fotos para ampliar





Alcaçuz - Dosagem e Administração

 

 

 

Formas de apresentação:

Os produtos feitos a partir da licorice podem ser feitos a partir da raiz seca ou da raiz verde; estes produtos existem sob a forma de pó (para chá), de comprimidos, de cápsulas e de extractos líquidos.

Alguns dos produtos feitos de alcaçuz não contêm glicirrizina (licorice desglicirrizinada - DGL), e parece não terem efeitos secundários indesejados, ao contrário da licorice glicirrizinada, pelo que é melhor para o tratamento das úlceras de estômago e das duodenais; pode ainda funcionar como protecção contra o aparecimento de úlceras provocadas pela ingestão de aspirina.

 

Como tomar:

Pediatria

As crianças mais crescidas que tenham uma dor de garganta podem mastigar um pedaço de raiz de alcaçuz ou beber chá de alcaçuz; a dose recomendada de chá para as crianças deve ser determinada pelo seu peso, tendo como termo de comparação a dose recomendada para os adultos A maioria das doses de ervas para os adultos são calculadas com base nos 70 kg de peso. Portanto, se a criança pesar entre 20 e 25 kg, a dose recomendada de alcaçuz seria 1/3 da dose recomendada para adultos.

As crianças não devem tomar chá de alcaçuz mais do que dia, sem falar primeiro com o seu médico; bebés e crianças pequenas nunca devem tomar chá de alcaçuz.

 

Adultos

A licorice pode ser tomada nas seguintes formas:

  • Raiz seca : 1 a 5g fervidos em água, 3 vezes/dia
  • Licorice: 2 a 5 mL, 3 vezes ao dia
  • Extracto: 250 a 500 mg, 3 vezes ao dia, contendo 20% de ácido glicirrizínico
  • DGL extracto: 0,4 a 1,6 g, 3 vezes ao dia, para a úlcera péptica
  • Mastigar 300-400 mg, 3 vezes ao dia, 20 minutos antes das refeições, para a úlcera péptica

Não use as doses prescritas de alcaçuz durante mais de uma semana sem falar primeiro com o seu médico, pois podem surgir efeitos secundários eventualmente perigosos.


Deixe o seu comentário

 

 

Importante:
Este artigo e a informação presente não tem como objectivo servir de aconselhamento médico e não deverá nem poderá ser seguido como substituto de consulta médica.

O i-legumes.com apenas lista os nutrientes e os eventuais benefícios para a saúde de uma alimentação baseada em legumes. O site não pretende aconselhar sobre como curar sintomas, doenças ou condições e toda a informação aqui lista nunca deve ser seguida para alteração da sua alimentação ou hábitos de saúde. Consulte sempre o seu médico para aconselhamento sobre a sua alimentação e saúde.