Amendoim – Benefícios para a Saúde

  • 0
  • agosto 12, 2014

Amendoim – Benefícios para a Saúde

Além de ser de qualquer criança (adulto e criança de muitos) sanduíche favorito de enchimento, amendoins oferecem uma variedade de benefícios à saúde.
Além do grão ser muito apreciado por adultos e crianças em geral ou da sua manteiga ser muito utilizada para barrar sanduíches, o amendoim oferece ainda uma série de benefícios para a saúde.

Amendoim bom para o coração

O amendoim é uma boa fonte de gordura monoinsaturada. Este tipo de gordura, predominante na dieta mediterrânea, é fundamental para um coração saudável.

Amendoim uma fonte de antioxidantes

O amendoim que contém não só ácido oleico como o mesmo tipo de gordura saudável que encontramos no azeite de oliveira tem ainda a vantagem de ser muito saboroso e rico em antioxidantes.

Embora não apresente índices de antioxidantes tão elevados como, por exemplo, os dos frutos vermelhos – a romã, a amora, o morango, entre outros – têm, no entanto, um índice de antioxidante muito mais elevado que outros frutos, como a maçã, a cenoura e a beterraba. O amendoim contem uma alta concentração de polifenóis antioxidantes, principalmente um composto chamado ácido p-cumárico, que aumenta o índice de antioxidante em mais 22%.

Rico em minerais que fornecem energia e antioxidantes

O resveratrol é um flavonóide que tinha sido inicialmente encontrado na uva vermelha e no vinho tinto, chegou-se agora á conclusão de que também existe no amenodim.

O resveratrol só por si (um nutriente purificado por via intravenosa, e não através da ingestão de alimentos) é um fitonutriente que ajuda a aumentar em cerca de 30% o fluxo sanguíneo no cérebro, reduzindo portanto o risco de derrame.

Ao estimular a produção e/ou a liberação de ácido nítrico (NO) no revestimento dos vasos sanguíneos (endotélio), leva ao relaxamento muscular e á consequente dilatação dos referidos vasos o que, por sua vez, aumenta o fluxo sanguíneo. Nos animais aos quais foi dado resveratrol, a concentração de óxido nítrico (NO) na parte afectada do cérebro (isquemia) foi 25% maior do que a concentração de NO verificada nos que não receberam resveratrol.

Cristiana Madeira

Sobre Cristiana Madeira

A Cristiana é um escritora freelance que escreve sobre nutrição e saúde. Começou a escrever profissionalmente há cinco anos e já apareceu em inúmeras publicações.. A Cristiana gosta de um estilo de vida ativo e passa imenso tempo a fazer caminhadas.

Deixe um Comentário