Felicidade através da Nutrição e Saúde

Benefícios de saúde do Feno-grego

Os benefícios de saúde do feno grego incluem a gravidez, anemia, lactação, digestão, perda do paladar, febre, cuidados do cabelo, caspa, distúrbios de estômago, problemas biliares, problemas respiratórios, úlceras bucais, garganta, diabetes, inflamações, feridas e insónia.

A maioria destes benefícios do feno-grego é devido à presença de saponinas e da fibra. O feno-grego também é utilizado para a cura de ervas. As suas sementes contêm uma substância resinosa chamada  mucilagem. Misturada com a água, a mucilagem expande-se e torna-se um calmante gelatinoso para os tecidos irritados.

É um membro da família do feijão e é encontrado na Índia e no sul da Europa.

Os benefícios do feno-grego são descritos abaixo:

    • Bom para a amamentação: Tradicional da Índia, os médicos prescrevem feno grego numa alimentação ayurvedica para mães que amamentam. Este benefício é atribuído à presença de diosgenina no feno-grego.
    • Reduzir o desconforto menstrual: O feno-grego é conhecido por  promover e facilitar a  menstruação.
    • Minimizar os sintomas da menopausa: O feno-grego contém diosgenina e isoflavonas de estrogénio, que são semelhantes à hormona sexual femenina, o estrogénio. A perda de estrogénio provoca os sintomas da menopausa. Então, comer feno-grego ajuda a reduzir os sintomas da menopausa.
    • Reduzir o colesterol: Estudos e pesquisas mostram que o consumo de feno-grego ajuda a reduzir o nível de colesterol. O feno-grego ajuda a reduzir significativamente o nível da lipoproteína de baixa densidade (LDL).
  • Reduz o risco de problemas cardiovasculares: A semente de feno-grego contém 25 por cento de galactomananos. É um tipo de fibra natural solúvel que reduz as doenças cardiovasculares.
  • O controlo do diabetes: O feno-grego ajuda a aliviar a diabetes tipo II. De acordo com um estudo, também pode ajudar pessoas com diabetes tipo I. Um estudo feito por pesquisadores indianos mostraram que o feno-grego adicionado à dieta de um paciente de diabetes tipo I, ajuda a libertar açúcar na urina em 54 por cento. Devido à presença das fibras naturais do galactomanano, o feno-grego diminui a taxa de absorção do açúcar no sangue. O aminoácido (4-hydroxyisoleucine) no feno-grego induz a produção de insulina, portanto, é recomendado consumir diariamente entre 15 a 20 gramas de feno-grego para controlar o açúcar no sangue.
  • Alívio para a dor de garganta: O efeito calmante da mucilagem do feno-grego ajuda a aliviar a dor de garganta e a tosse.
  • Aliviar a obstipação: O feno-grego acrescenta volume às fezes. Assim, é útil para tratar a obstipação e a diarréia e também alivia a indigestão ligeira.
  • Bom para problemas nos rins: A medicina tradicional chinesa recomenda o feno-grego aos doentes renais.
  • Evitar o cancer do cólon : O feno-grego possui um potencial anticarcinogénico. O esteróide diosgenina presente no feno-grego previne o cancer do cólon.
  • Bom inibidor do apetite: A fibra natural solúvel galactomanana pode inchar no estômago e assim, suprimir o apetite.

O feno-grego é usado para tratar  feridas, inflamações e doenças gastrointestinais. O feno-grego tem ações antioxidantes, assim, impede e repara os danos causados ​​pelos radicais livres. Segundo a medicina ayurvédica e a medicina tradicional chinesa, o feno-grego pode ser usado para indução do parto e ajuda a digestão. Também é bom para melhorar o metabolismo e a saúde. A pele irritada pode ser aliviada pela aplicação externa de feno-grego. O feno-grego também é usado para febres e dores musculares.

O feno-grego é considerado um alimento herbal seguro. É usado como tempero e também como xarope de aipo e bordo com um gosto estranhamente amargo.

Precaução: O único efeito secundário observado em pessoas que tomam altas doses de feno-grego é um ligeiro desconforto gastro-intestinal. O feno-grego não é recomendado durante a gravidez, pois pode provocar aborto.

468 ad

3 Comentários

Se Junte à conversa e deixe um comentário.

Deixe seu comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>